Notícias Nacionais

O II European Health Conference que decorreu nestes quatro dias na capital romena, reuniu mais de 20 oradores internacionais de renome na comunidade científica mundial, perto de 700 participantes de todo o mundo e cerca de 30 portugueses estiveram presentes neste evento.

O tema “Reversing Diseases with Lifestyle Medicine“ trouxe especialistas nas áreas da prevenção, tratamento e reversão de doenças através da mudança de estilo de vida.

“As pessoas estão à espera dos Adventistas!” Dr. David de Rose

Este foi um dos apelos que se fez ouvir no passado mês de Abril, entre os dias 17 e 21, em Bucareste.

Durante 4 dias, repletos de seminários, palestras, testemunhos e workshops, foram lançados desafios, reptos e a pergunta que fica é: o que estamos nós nos dias de hoje a fazer com a mensagem da saúde que é conhecida há mais de 150 anos?

Temas como medicina do estilo de vida, exercício físico como tratamento de doenças, nutrição como factor de reversão de doenças, entre outros, deixaram clara mais uma vez a missão e responsabilidade que os Adventistas do Sétimo Dia têm e para a qual Ellen White também apelou “(…) a reforma de saúde é um ramo da grande obra que deve preparar um povo para a vinda do Senhor.” Conselhos Sobre o Regime alimentar

Foram dias bastante preenchidos, repletos de experiências fantásticas, onde foi notório o sentimento de querer assimilar a máxima informação possível, numa interacção entre palestrantes e participantes que deve ser louvada. O transmitir a todos os participantes a responsabilidade que temos como profissionais de saúde com as pessoas com quem lidamos no dia-a-dia, com as comunidades locais e igrejas, foi sem dúvida uma mensagem deixada ao longo do congresso.

Como participante, foi uma experiência difícil de descrever em poucas palavras. Estar durante 4 dias com pessoas de todo o mundo que partilham os mesmos princípios e crenças que eu, desde os mais pequenos aos maiores gestos, foi maravilhoso. Conheci pessoas incríveis, desde portugueses, a americanos, holandeses, austríacos, brasileiros, entre outros. Tive a oportunidade e considero até o privilégio de conversar com membros da conferência geral que transmitiram uma simpatia incrível mas também a confiança de que posso fazer muito pela obra de Deus. Quando me inscrevi nunca achei que fosse trazer muito mais do que conhecimento para colocar em prática na minha actividade profissional. Foi uma bênção muito grande não só trazer novas abordagens clínicas mas também trazer a responsabilidade de que posso e devo contribuir para a missão da saúde. É incrível perceber que o que hoje são “modas”, já nós adventistas temos como certo, há mais de 150 anos! Confesso que regressei com um sentimento de que devo abraçar a missão que Deus nos confiou. Foi feito o apelo para que oremos muito para Deus nos conceder meios e forças para esta responsabilidade que temos. A maior prova de que Deus está ao leme, foi perceber que na primeira semana após o regresso da Roménia, não só pude começar a pôr em prática novas abordagens nutricionais mas também perceber que as pessoas estão muito receptivas e que estão dispostas não só a mudar a sua alimentação mas também o seu estilo de vida.

Não posso deixar de referir o trabalho incrível que foi desenvolvido pela organização deste evento. Desde à organização, logística, à escolha dos temas e dos oradores, nada foi deixado ao acaso e dou os parabéns pelo desempenho incrível que tiveram. Cada aspecto e pormenor foram pensados e apesar de terem sido dias muito intensos, houve tempo para o descanso, para caminhadas duas vezes por dia, para hábitos alimentares e hídricos saudáveis e para momentos de grande comunhão com Deus.

Por último, mas não menos importante, e com certeza uma das maiores bênçãos que trouxe, louvo a componente espiritual deste congresso. A proximidade com Deus e maior comunhão ao longo destes dias, foi algo que realmente senti de uma forma tão grande e especial, que é difícil exprimir. Agradeço a Deus não só a oportunidade de estar presente mas também a maior proximidade que me permitiu ter com Ele.

Que possamos fazer planos para estar presentes no próximo congresso mas, acima de tudo, que possamos abraçar e contribuir para a missão que Deus nos confiou.

HOPE Portugal | Joana Maranhas - Nutricionista - IASD Oliveira do Douro